19Maio2019

NOTÍCIAS POLÍCIA TJES mantém condenação de jovem que matou namorada durante ato sexual em Linhares

farmacias-de-plantao

TJES mantém condenação de jovem que matou namorada durante ato sexual em Linhares

A defesa alegou que o acusado não teve a intenção de matar a namorada

TJES-mantm-condenao-de-jovem-que-matou-namorada-durante-ato-sexual-no-centro-de-Linhares O desembargador William Silva, do Tribunal de Justiça do Espírito Santo, manteve a sentença da 1ª Vara Criminal de Linhares, que condenou a 13 anos de prisão, Marcos Rogério Amorim dos Santos Júnior, acusado de matar com um tiro na boca a namorada Arielle Martins Pardinho, em setembro de 2012 em um apartamento no centro de Linhares.

Leia também  >>   Tiroteio em Sooretama deixa um jovem morto com seis disparos

Na decisão, o desembargador negou o pedido de apelação da defesa que alegou que Marcos não teve a intenção de matar a namorada. O casal estava sozinho no apartamento, na avenida João Felipe Calmon, quando durante uma relação sexual, Marcos teria disparado um tiro de revólver na boca de Arielle, que morreu na hora.

Ao analisar a apelação da defesa, o desembargador William Silva, que é relator da ação criminal, defendeu que a decisão do Júri é soberana e merece ser respeitada.

Leia também  >>   Linharense acusado de duplo homicídio chega a Muriaé, Minas Gerais

“Os jurados reconheceram que o acusado foi autor do disparo da arma de fogo que ocasionou a morte da vítima. Exercitaram a sua soberania, o que ensejou, obviamente, na condenação. O reconhecimento da autoria do delito pelo conselho de sentença é correta tendo em vista os elementos cognitivos que sustentaram o decisum. O júri tem a liberdade e a autonomia para escolher qualquer uma das versões”, afirmou.

 

Redação Portal Linhares Em Dia


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Se achar algo que viole os TERMOS DE USO, denuncie. Leia as PERGUNTAS MAIS FREQUENTES para saber o que é impróprio ou ilegal. 

Siga-nos no FacebookTwitter e YouTube.

Convidamos você a fazer parte dos nossos canais nas redes sociais e navegar pelo nosso Portal de notícias Linhares Em Dia.