23Setembro2019

NOTÍCIAS GERAL Prefeito Guerino Zanon institui cinco polos de fruticultura em Linhares

emdiacomunicacao.vcjasaiunamidia

Prefeito Guerino Zanon institui cinco polos de fruticultura em Linhares

Serão fornecidas 40 mil mudas, para fomentar a produção

Prefeito-Guerino-Zanon-institui-cinco-polos-de-fruticultura-em-Linhares

Linhares ganhou cinco polos de fruticultura para o cultivo de limão, cajá manga anão, goiaba, uva e açaí. O decreto que regula o Programa Municipal de Fruticultura, que visa diversificar a atividade agrícola no município e gerar mais renda às famílias de pequenos produtores, foi assinado nesta sexta-feira (16) pelo prefeito Guerino Zanon, e o secretário municipal de Agricultura, Franco Fiorot, durante o "Seminário do Programa de Fruticultura de Linhares" ocorrido na 3ª edição do Lidera Agro – feira de agronegócio de Linhares. O evento faz parte da programação em comemoração aos 219 anos de fundação de Linhares.

Leia também  >>   Governo investe mais de R$ 5 milhões em máquinas, veículos e equipamentos para 31 municípios

Na ocasião, foi dada a autorização para fornecimento de 40 mil mudas a partir de setembro, para fomentar a produção, e lançado o edital de seleção dos produtores a participar do programa, além de firmarem parceria com a Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas) e a Confederação Nacional da Agricultura (CNA) para rastreabilidade das frutas. Especialistas de cada uma das cinco frutas instituídas nos polos falaram aos produtores sobre o plantio, cultivo, doenças e pragas, produção e pós-colheita, rastreabilidade, consumo e exportação.

Os polos implantados foram: cajá manga anão, no Polo Distrito Farias; uva, no Polo Alto São Rafael (contempla regiões como Santa Cruz, São João de terra Alta, São Vicente e São Judas); goiaba, no Polo Baixo São Rafael (localidades como Japira, Córrego Dr. Jones, Santa Rosa, Humaitá e Bagueira); limão, no Polo BR 101 Sul (distritos de Rio Quartel e Desengano); e açaí, no Polo Litoral (Pontal do Ipiranga, Regência, Povoação e Bebedouro).

O secretário municipal de Agricultura, Franco Fiorot explicou que o programa foi elaborado por uma consultoria especializada, pela equipe de Secretaria Municipal de Agricultura e instituições parceiras, e diversas reuniões foram realizadas com Conselho Municipal de Agricultura, com integrantes da cadeia produtiva de insumos, instituições financeiras, viveiros, empresas de beneficiamento de frutas, e apresentado a produtores de sete regiões de Linhares, alguns deles acompanharam a visita técnicas a lavouras do estado que já têm bastante tempo de produção para conhecer as peculiaridades do cultivo das frutas e como desenvolver o plantio. Cada polo foi definido conforme as características agronômicas de solo e clima de cada região.

Leia também  >>   Espírito Santo sediará a maior feira do Agroturismo do País em novembro

"O município possui potencial e condições climáticas e solo favoráveis para aumentar a produção de frutas. E a prefeitura está focada em criar mecanismos que ampliem a participação da atividade produtiva na economia capixaba e que impulsionem os produtores de Linhares a ingressar nesse segmento promissor e que está cada vez mais conquistando seu espaço no mercado nacional", avaliou o secretário de municipal de Agricultura, Franco Fiorot.

O programa faz parte do Plano Agro e a área a ser cultivada no programa é de até 10 hectares por polo, dividida entre os produtores. A expectativa é que em média 80 produtores façam parte do programa, como o senhor José de Melo, presidente da Associação dos Produtores Rurais do Córrego Farias e inscrito no Polo Distrito Farias. Na região dele, a fruta cultivada será cajá manga anão.

O prefeito de Linhares Guerino Zanon destaca que o município caminha a passos largos e é prioridade dentro do Plano Agro fomentar a agricultura local. Ele ressalta que o programa de fruticultura é mais uma oportunidade nesse processo de transformação do setor, principalmente das pequenas propriedades.

"Nossa busca é pela qualidade dos produtos o que resultará em melhorias na renda familiar e na expansão de mercado. Assim temos feito com o café - segundo o IBGE somos o maior produtor de Conilon do Brasil e também do Espírito Santo - e o cacau, que figura entre os 18 melhores do mundo e foi incluído na lista dos 36 produtos brasileiros que teve sua indicação geográfica reconhecida por meio de um acordo comercial entre o Mercosul e a União Europeia", destaca.

Guerino pontua que a Prefeitura atua e investe em diversas ações como treinamentos com produtores e visitas nas comunidades, distribuição de mudas de cacau, e os concursos de qualidade do café do cacau, por exemplo. "São ações que destacam os nossos produtos no mercado e despertam o olhar dos compradores pelo diferencial aplicado no processo de produção dos frutos, como incentivar e fomentar a produção com cada vez mais qualidade e contribuir com o desenvolvimento do Espírito Santo", disse.

Leia também  >>   Afemol é finalista do Prêmio Mulheres do Amanhã 2019

Linhares é destaque na produção de maracujá, coco, banana, laranja e goiaba, além de ser o principal exportador de mamão papaia para os Estados Unidos e alguns países da Europa. Pontuou ainda que dados da Agência de Desenvolvimento de Linhares (Adel) revelam que fruticultura em geral é o principal arranjo produtivo local de Linhares gerando 3.533 empregos pelas 300 empresas locais na produção e no beneficiamento.

Redação Portal Linhares Em Dia


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Se achar algo que viole os TERMOS DE USO, denuncie. Leia as PERGUNTAS MAIS FREQUENTES para saber o que é impróprio ou ilegal. 

Siga-nos no FacebookTwitter e YouTube.

Convidamos você a fazer parte dos nossos canais nas redes sociais e navegar pelo nosso Portal de notícias Linhares Em Dia.