452 27/11/2021 às 07:00

Secretário faz alerta sobre riscos de nova cepa para o país e o ES

Redação Em Dia ES

Secretário usou as redes sociais para reproduzir mensagem de imunologista falando sobre a necessidade de usar a vacina como meio verdadeiramente eficaz de evitar surgimento de variantes
Secretário faz alerta sobre riscos de nova cepa para o país e o ES. Foto: Sesa/Divulgação
O secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes, usou as redes sociais para alertar para os riscos representados para a nova variante do novo coronavírus, descoberta na África do Sul, o avanço das doença em países da Europa e a possibilidade desse quadro ter reflexos tanto no Brasil quanto no Espírito Santo. Nésio ressaltou a possibilidade de esses riscos aumentarem por conta das festas de final de ano e também em consequência da baixa cobertura vacinal da terceira dose

Nésio retuitou o texto do imunologista e oncologista Bruno Filardi. “Única certeza inabalável que temos: as variantes surgem pela falta de vacina. Falta de imunidade. Melhor receita para que não surjam mais variantes é todos tomarem as vacinas. Enquanto houver áreas do mundo sem cobertura vacinal isso vai continuar acontecendo”, diz Filardi em sua postagem, referindo-se à variante da África do Sul.

Para o secretário, o que acontece na Europa e em outros países pode ocorrer aqui, principalmente diante da lentidão na cobertura da terceira dose. “Tenho a impressão que no Brasil estamos menosprezando o risco de nova onda”, disse Nésio em rede social. Segundo ele, o Espírito Santo não vai conseguir 100% de unidade e coesão social para o “melhor esquema vacinal” ou o “esquema ideal”.

“Estamos num contexto de cobertura vacinal por vacinas de tecnologias mistas: vetor viral, vírus inativado, mRna. Para desfecho de efetividade (vida real) precisamos da melhor cobertura do esquema de três doses, sendo ele preferencial heterólogo, mas também possível o homólogo. Se ambos esquemas são seguros, benéficos, aprovados por agências reguladoras e autoridades sanitárias, podemos ter maior adesão da população que se sente insegura com qualquer composição de esquema de reforço.”, detalha.

Aplicação da terceira dose
De acordo com Nésio, a preocupação deve estar focada na maior cobertura de terceira dose possível no menor espaço de tempo antes de fevereiro do ano que vem, período de grandes festas. O secretário considera que o país tem ainda dois grandes desafios na pandemia: mitigar impacto de internações/óbitos e controlar a circulação do vírus.

“Reconhecemos que duas doses de vacinas contra a covid-19 controlou a internação e óbitos na população com menos de 40 anos e com baixa incidência entre 41-59 anos”, explica.

Para o secretário, o desafio para impedir a circulação do vírus está no controle dos casos leves e, para vencê-lo, é preciso de reforço com 5 meses para toda população adulta; uso de máscaras; plano de testagem em massa e vacinar crianças para alcançar cobertura de 90% na população total.

Nésio considera ainda que o desafio do maior controle da internação e dos óbitos está nos não vacinados; nos adultos com esquemas incompletos e nos idosos sem reforço.
 
 
 

Fique em dia

  1. 1

    1 - Por que é tão importante cortar o açúcar após um procedimento estético? Por que é tão importante cortar o açúcar após um procedimento estético?
  2. 2

    2 - Covid-19: Aplicação da D3 na população acima dos 18 anos já começou em Linhares Covid-19: Aplicação da D3 na população acima dos 18 anos já começou em Linhares
  3. 3

    3 - Linhares divulga edital de processo seletivo com 120 vagas para diversos cargos na área ... Linhares divulga edital de processo seletivo com 120 vagas para diversos cargos na área ...
  4. 4

    4 - ICEPi oferta 13 vagas para médicos atuarem na Medicina Hospitalista do Estado ICEPi oferta 13 vagas para médicos atuarem na Medicina Hospitalista do Estado
  5. 5

    5 - ES chega a 12.809 mortes e 601.617 casos confirmados de Covid-19 ES chega a 12.809 mortes e 601.617 casos confirmados de Covid-19
  6. 6

    6 - Brasil soma 451 mortes por Covid e 16,8 mil novos casos em 24 horas Brasil soma 451 mortes por Covid e 16,8 mil novos casos em 24 horas

Enquete

Resultado

O que mais incomoda na sua saúde no dia a dia?


  • Cansaço
  • Dor de Cabeça
  • Depressão
  • Estresse
  • Outros

 
 
 
 

Filme em Cartaz

 

BOLETIM

Receba nossas notícias por e-mail.

)
Logomarca